English Version
     > Home > Quem somos > Mensagem dos Presidentes > Presidente Filial RJ

Gustavo Brigagão
Presidente da Filial Rio de Janeiro

Presidir a Britcham no Rio de Janeiro é extremamente gratificante, em virtude da possibilidade única que oferece de dialogar com tantos colegas e colaboradores, em prol do objetivo comum de estreitar os laços comerciais que unem Brasil e Reino Unido. Esse papel vem sendo desempenhado incessantemente pela nossa instituição ao longo dos seus mais de cem anos de existência e, nesse ano que se passou, não foi diferente.
O ano de 2018 ficou marcado pela qualidade e variedade temática dos eventos organizados pelas comissões que integram a Britcham. De fato, foram diversos “almoços-palestras” organizados com absoluto esmero, que propiciaram a interação dos nossos associados com especialistas sobre assuntos de suma relevância. Destaco, em especial, as reuniões que tiveram por objeto as perspectivas para o desenvolvimento da matriz energética brasileira, das quais participaram notáveis autoridades governamentais, como o Presidente da Agência Nacional de Petróleo (ANP), o Diretor Geral da Agência Nacional de Energia Elétrica (ANEEL) e o Diretor da Empresa de Pesquisa Energética (EPE).
No cenário nacional, as reformas previdenciária e tributária estiveram no centro da pauta política, e o que se constatou foi o crescente consenso quanto ao caráter urgente dessas medidas, cuja implementação propiciará a retomada do crescimento econômico no Brasil.
A reforma fiscal é especialmente premente, pois, além de viabilizar o influxo de investimentos estrangeiros no País, também conferiria credibilidade ao pleito brasileiro de adesão à Organização para Cooperação e Desenvolvimento Econômico (OCDE). Nesse aspecto, o Brasil vem recebendo o apoio irrestrito do Reino Unido, que, inclusive, se comprometeu a investir até 80 (oitenta) milhões de libras no recém-lançado “Programa de Trabalho com o Brasil sobre Preços de Transferência”, que tem como propósito a convergência das regras brasileiras de transfer pricing àquelas praticadas pela OCDE. Soma-se a esse panorama a iminente concretização da saída do Reino Unido da União Europeia (Brexit), que levará à reestruturação da sua política externa e ao consequente fortalecimento das suas relações econômicas e culturais com o Brasil. Um claro exemplo dessa aproximação foi o memorando de entendimento recentemente celebrado entre os países, com a finalidade de reduzir as barreiras comerciais atualmente existentes, intensificar a cooperação bilateral e fomentar o crescimento mútuo das exportações.
Portanto, não há dúvidas de que os próximos anos serão de profícua interação comercial entre Brasil e Reino Unido, o que eleva a responsabilidade da Britcham e apresenta um desafio que torna a nossa missão institucional ainda mais prazerosa.